O caminho para a salvação eterna

A soteriologia nos catecismos de José de Acosta (Lima, 1584) e Matteo Ricci (Pequim, 1603)

  • Franz Helm

Resumo

O A. faz um confronto entre a soteriologia dos Catecismos de José de Acosta (Lima, 1584) e de Matteo Ricci (Pequim-Beijing, 1603). Destaca seus pontos comuns (a verdade absoluta da doutrina cristã) e os pontos em que divergem (a metodologia evangelizadora). O artigo ressalta a convicção básica que animava esses autores: os missionários católicos acreditam- se portadores de uma mensagem de suma importância para a salvação das almas. Vê-se como J. de Acosta e M. Ricci se posicionaram diante da religião dos seus missionandos e como a mensagem evangelizadora se deixou influenciar pelo contexto do anúncio.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
1998-09-30
Como Citar
Helm, F. (1998). O caminho para a salvação eterna: A soteriologia nos catecismos de José de Acosta (Lima, 1584) e Matteo Ricci (Pequim, 1603). Revista Eclesiástica Brasileira, 58(231), 515-542. https://doi.org/10.29386/reb.v58i231.2358